O Palácio de Versalhes no cinema (com galeria de fotos!)


O Palácio de Versalhes foi um centro de revolução cultural tão importante que moldou o mundo quando no seu auge. Tudo o que havia de melhor e mais moderno, opulento e bonito estava lá – e nenhum outro monarca queria ficar por menos. As modas francesas de Maria Antonieta, o estilo arquitetônico, os desenhos simétricos e planejados dos  jardins, os personagens e fatos históricos que ali aconteceram – era óbvio que seria palco de grandes intrigas, lendas e produções.

entrada-portao-corte-real-detalhe2

Detalhe do segundo portão, que separava a área privada para a realeza na entrada de Versalhes

Portanto, não é surpresa descobrir que muitas produções foram gravadas no lugar desde que o cinema foi inventado: uma singela lista na internet mostra que tem material gravado lá desde o início do século XX. Mas dependendo do contexto histórico, o próprio palácio não é o melhor lugar para filmar: uma grande dificuldade atual é encontrar espaço na agenda de visitação e deslocamento de produção – além, claro, de sempre haver visitação pública em algum lugar do extenso terreno. Por isso muitas produções optam por lugares mais tranquilos e controláveis, e há muitos castelos espalhados pela Europa que foram construídos inspirados no Palácio original. Portanto, mesmo não estando presente na telinha em muitas ocasiões, Versalhes foi muito bem representado: como muitos outros palácios foram construídos inspirados nele, é bastante comum que sejam usados como substitutos em produções cinematográficas.

Versalhes no cinema

As vidas agitadas de Luis XIV (o Rei Sol) e de Maria Antonieta (esposa de Luis XVI e última rainha da França) rendem muitas histórias e especulações, nada mais justo do que haver uma penca de filmes sobre eles. O mais famoso filme rodado sobre a rainha talvez seja Maria Antonieta, produção de 2006 com direção de Sofia Coppola e Kirsten Dunst no papel principal.

Contando a história da mais extravagante rainha francesa, foi indicado a vários prêmios por conta da produção elaborada e chegou a ganhar um Oscar de Melhor Figurino. Todo rodado no local, explora bastante a área do Petit Trianon, o Domínio da Rainha (uma área particular especialmente criada para ela), os jardins, o Grande Palácio, as dependências reais (com suas camas minúsculas), a Ópera e a famosíssima Galeria dos Espelhos.

Este mesmo salão, aliás, e um pedaço dos jardins de Versalhes também são algumas das locações de Meia-Noite em Paris, de Woody Allen.

Cena de Maria Antonieta (2006)

Cena de Maria Antonieta (2006)

Versalhes em série

Em 2015 o canal francês Canal + estreou a primeira temporada de Versailles, que busca retratar a polêmica vida do rei Luiz XIV. Pouco conhecida em terras tupiniquins, a produção causou alvoroço entre os britânicos espectadores do canal BBC (que assistiram chocados aos primeiros episódios – com cenas fortes de tortura e sexo, não agradou ao ser colocada no mesmo horário em que era veiculada a extinta Downtown Abbey) logo no início do ano de 2016. Distribuída também no Canadá e nos Estados Unidos, já tem uma segunda temporada em andamento. E porque ela entra nesse nosso post? Além de retratar nosso amado palácio, ainda teve cenas rodas in loco.

A polêmica série francesa sobre o Rei Sol

Cena de Versailles, a polêmica série francesa sobre o Rei Sol

A Galeria dos Espelhos, os jardins e o Grande Canal foram gravados in loco, mas a maior parte das gravações acontecem mesmo em estúdio e em outros palácios franceses inspirados em Versalhes. O motivo? Maria Antonieta. A revolucionária rainha não gostava nadinha do que o Rei Sol havia feito no lugar onde ela iria viver pro resto da vida, então resolveu redecorar tudo do jeito dela – e é com a decoração escolhida por ela que hoje nós conhecemos o Palácio. Para quem ficou curioso, tem mais informações sobre a série aqui (em francês). A segunda temporada da série será lançada em março de 2017 na França, e deve demorar um pouquinho mais para chegar até nós.

Parece, mas não é

O palácio aqui não é o original

Apesar do verdadeiro Luis XIV ter reinado do Palácio de Versalhes, aqui não é o prédio original

Um dos mais famosos “dublês” para o castelo fica também na França: o Castelo de Fontainebleu, por exemplo, foi o escolhido para representar Versalhes no péssimo O Homem da Máscara de Ferro (1998), em que os Três Mosqueteiros descobrem que o Luis XIV tem um gêmeo do mal e fazem de tudo para colocar o verdadeiro herdeiro no trono. No longa, Leonardo DiCaprio interpreta Ruth e Raquel os dois personagens principais – e usa essa peruquinha ridícula.

Essa Sala de Espelhos foi gravada no primo alemão do palácio

Essa cena na Galeria de Espelhos foi gravada no primo alemão do palácio de Versalhes

Os personagens criados por Alexandre Dumas, aliás, já renderam mais produções no cinema – e mais desdobramentos da equipe para reconstruir o esplendor do palácio de Versalhes. Em 2011, por exemplo, a região da Baviera (Alemanha) foi usada como uma alternativa para filmar o bizarro Os Três Mosqueteiros  (que tem Logan Lehrman, o Percy Jackson, como D’Artagnan). Dessa  vez, quem fez as vezes do primo mais famoso foi o Castelo de Herrenchiemsee – especialmente por causa de sua impressionante Galeria dos Espelhos (não é uma réplica exata, mas é tão lindo quanto o verdadeiro).

Entendeu a referência?

Entendeu a referência?

E embora não tenha sido filmado em locação, Stardust – O mistério da estrela (2007) tem um dos cenários inspirado – mais uma vez – na Galeria dos Espelhos. Pudera, o lugar é realmente lindo! O cenário da casa das três bruxas que desejam o coração da estrela caída para reativar sua magia é o palco da grande cena final e os espelhos servem como um meio prático de comunicação mágica (muito “antes” de se criar a chamada por vídeo!), além de ser perigoso o bastante para ameaçar a vida de Tristan (Charlie Cox, o Demolidor da série da Netflix) quando a magia os explode em milhares de cacos esvoaçantes.

E agora que você já viu algumas curiosidades cinematográficas e provamos a inesgotável fonte de maravilhas que é esse lugar, aproveitem a nossa galeria de fotos do inesquecível Palácio de Versalhes.

Leia também


About Geisy Almeida

Formada em Fotografia, fã de boas estórias que sejam bem contadas - não importa se em forma de livro, filme, novela ou bate-papo. Curiosa e interessada em muitos assuntos, às vezes viajo na maionese.