Os shows do Beto Carrero World


Tínhamos um objetivo bem definido em nossa mais recente viagem ao parque de diversões catarinense: aproveitar ao máximo. A tarefa incluía brincar em muitos brinquedos e assistir ao maior número de shows possíveis. E já fica aqui a primeira dica: se organizar direitinho, é possível sim, conferir a todas as apresentações em dois dias – tempo que a maioria dos pacotes e indicações (inclusive a nossa) sugerem que se passe no parque.

Encaramos o desafio e conseguimos assistir a todos os espetáculos disponíveis no parque. Agora, compartilhamos a nossa experiência nos shows Beto Carrero World.

Excalibur

Beto Carrero, Excalibur

Nobres e galantes cavaleiros ao som de uma torcida escandalosa e bem alimentada = Excalibur

Um dos espetáculos mais antigos do parque, é devidamente acompanhado de uma refeição. As mesas são, na verdade, arquibancadas de uma arena de torneio medieval – separadas por cores que vão determinar para qual cavaleiro você vai torcer. Prepare os pulmões para gritar muito por seu cavaleiro enquanto ele encara disputas de justas, espadas e outros jogos medievais (ou quase isso)! Inclua no pacote, Merlin, Artur, e claro, a espada Excalibur.

Pausa para curiosidade: a equipe de espetáculo serviu de consultores e dublês nas sequencias do torneio de Artena na novela Deus Salve o Rei, da rede globo.

O almoço é bem simples: arroz, legumes cozidos, batata-frita, carne e frango. É possível repetir quantas vezes quiser e existe opção vegetariana. Nós pedimos mais batata-frita para acompanhar o show, e recebemos mais do que conseguiríamos comer. Mas este é o tipo de “almoço + show” que você vai pelo espetáculo, não pela comida. É uma atração paga dentro do parque que vale a pena desembolsar aquele dinheiro extra (R$75; crianças de 4 a 9 anos pagam R$60 e menores de 3 anos acompanhadas de um adulto pagante entram de graça. As bebidas são vendidas à parte).

Dicas:

  • Fique atento aos horários: em dias de grande movimento, há sessões extras (inclusive no jantar) mas a única sessão confirmada diariamente é a das 12h.
  • Você pode comprar o ingresso na hora do show, mas este está sujeito à lotação. Vale garantir a compra antecipada pelo site do parque, através da empresa de turismo que está te levando ou ainda no início do dia, no Castelo das Nações.
  • Chegue cedo, ao menos meia hora antes. Assim você pode comer antes do espetáculo começar, enquanto as luzes ainda estão acesas, aproveitar melhor o show w a refeição.
  • Fotógrafos vão tirar fotos de você e sua família durante a atração, e voltar com elas em chaveirinhos. Acredite se quiser este é um dos souvenires relacionados à atrações mais baratos que você vai encontrar no parque. Na ocasião, pagamos R$10 por eles.

Hot Wheels Epic Show

Beto Carrero, Hot Wheels Epic Show, Extreme Show, Velozes e Furiosos

O show mais radical do parque, agrada os baixinhos e grandinhos.

Este, que também já foi chamado de Extreme Show e Velozes e Furiosos, é o outro show com refeição disponível no parque. A diferença aqui é que existe uma arquibancada gratuita para a grande maioria que não pretende almoçar. Uma historinha simples é apresentada em um telão para servir de motivação para as perseguições de carro e manobras radicais. Para almoçar lá, é preciso fazer reserva – de preferência assim que o parque abre, já que as mesas na varanda com visão para a pista são bastante limitadas. Não há cobrança de ingresso, você paga apenas o que consome.

Barulho, fumaça, carros, motos e caminhões a toda velocidade, saltando no ar, entre outras loucuras que enchem os olhos dos aficionados por carros e esportes radicais, e os não iniciados também. Também há sorteio para alguns sortudos na platéia darem uma voltinha nos carrões. Na arquibancada a capacidade é de 3.000 pessoas, mas não custa chegar cedo para garantir um bom lugar. O show acontece às diariamente às 13h.

Dica:

  • A menos que você seja apaixonado por lanchonetes temáticas, prefira assistir ao show das arquibancadas – o show foi pensado para ser melhor apreciado dali. A lanchonete fica na lateral da arena e, apesar da proximidade com a pista, a visão não é a melhor. E, como é possível levar lanches para as arquibancadas, então você pode almoçar por lá de um jeito ou de outro.

Madagascar Circus Show

Madagascar Circus Show, Beto Carrero

Tente não “remexer muito” durante o Madagascar Circus Show!

Fruto de uma parceria com a Dreamworks, é o show mais voltado para a molecada. Traz números e apresentações musicais, enquanto a Capitã Chantel DuBais, procura os demais personagens da animação Madagascar por todo o teatro. Sim, os personagens andam e interagem com platéia – e os pequenos vão à loucura!

Para completar o espetáculo, artistas de circo fazem diversas acrobacias, e uma equipe de ciclistas faz manobras radicais em rampas de dar medo. Tudo isso em frente a gigantes telas de LED, muitas cores e música. É o show mais elétrico do parque, apresentado diariamente às 14h.

Dica:

  • É a de sempre, chegue cedo para garantir um bom lugar. Sentar próximo aos corredores centrais da arquibancada, juntinho do palco, aumentam as chances da molecada ver os personagens mais de perto.

Leia também – Álbum de Viagem: Beto Carrero World

Blum

Beto Carrero, Blum

A escuridão do Teatro Aqua dificulta a produção de imagens, mas a gente tenta!

É o show mais encantador do parque, com um jeitinho de Cirque du Soleil e temática do submarina. Somos transportados para o fundo do mar, onde assistimos a seus coloridos habitantes apresentarem números circenses e acrobáticos – tudo isso enquanto fogem de um tubarão e posam para as fotos de um mergulhador.

Luzes, sons, cheiros, bolhas de sabão… Tudo é pensado para criar uma experiência de imersão com muita interatividade. Uma roupagem nova e fantástica para as atrações de circo que são a raiz do Beto Carreiro World. Apresentado no Teatro Aqua, às 16h.

Dicas:

  • Durante o espetáculo o teatro fica bastante escuro, nada muito diferente de uma sala de cinema, mas vale ficar atento ao seu pequeno se ele tiver medo.
  • Os assentos deste teatro são muito apertados, ao ponto de serem desconfortáveis para os mais altos. Nesse caso, vale garantir assentos nas fileiras da frente, ou aqueles que ficam bem no meio do teatro, com um corredor largo à frente.

O Sonho do Cowboy

Beto Carrero, O Sonho do Cowboy

O grande espetáculo do parque, não deixe de conferir!

É “A” superprodução, a grande homenagem do parque ao seu criador. Um espetáculo musical , que tem Beto Carrero como protagonista e herói, em um mundo de velho oeste. – Afinal, Beto é o cowboy brasileiro, né?! – Cenografia e figurinos caprichados, dançarinos, cavalos adestrados e um elenco cantando canções originais ao vivo, contam uma história de mocinhos e bandidos tradicional, fofa (até piegas em alguns momentos), emocionante e muito divertida.

Antes de começar o show, é exibido um documentário sobre a vida de João Batista Sérgio Murad, o Beto Carrero. Sem saber da existência deste filme, chegamos cedo para garantir o lugar e assistimos apenas o final. Mas quem perder a exibição ainda tem a chance de saber um pouco mais sobre Murad no Memorial Beto Carrero, situado na entrada da grande tenda de circo onde O Sonho do Cowboy é apresentado.

Dicas:

  • Os assentos deste circo tem um formato estádio, mas a inclinação é bem pequena – o que significa que os pequenos podem ter a visão bloqueada por alguém mais alto sentado à frente. Vale chegar cedo ou colocar a molecada no colo para não perder nada.
  • Quando este espetáculo começa, todos os outros já terminaram e os brinquedos já fecharam suas filas. Sim, eles querem que o maior número de pessoas possível assista o show. E fazem por merecer a atenção.

Bônus: Natal Do Shrek

Beto Carrero, Shrek, Dreamworks, Natal

Natal do Shrek, show especial de fim de ano no Beto Carrero

Temos um show bônus! Quem frequenta o parque nos meses de novembro e dezembro, pode conferir um espetáculo especial com Shrek, Fiona e outras personalidades da Dreamworks. Um apresentador anima a criançada, que pode dançar e brincar com os personagens na Praça de Eventos na entrada do parque. O espetáculo é o último do dia, e começa quando os brinquedos e outros shows, inclusive O Sonho do Cowboy, já terminaram.

Leia também – Aproveitando o melhor do Beto Carrero World: dicas e detalhes

Agora que cobri todas as atrações, faltou comentar: não pudemos deixar de notar que a maioria das arquibancadas tem algum problema de dimensão. Madagascar Circus Show e Hot Wheels Epic Show também tem pouco espaço entre as fileiras, o que dificulta bastante a locomoção. Não chega a ser desconfortável como em Blum, mas são tão estreitas que não é possível sair a menos que todos no caminho levantem. Esteja preparado para não sair durante os shows.

À exceção do Excalibur, todo o show tem algum tipo de comida e bebida nas suas instalações – geralmente uma pipoca muito cheirosa. E caso, você tenha ficado cansado da sugestão “chegue cedo”, o parque oferece pacotes de “Acesso Garantido”, cuja compra reserva lugares especiais. Pode ser adquirido para uma atração ou todas.

Organizamos direitinho, prestamos atenção aos horários e até incluímos os brinquedos nos caminhos entre um show e outro – e o resultado foi positivo. Brincamos e assistimos a tudo que queríamos, e a grande maioria das atrações vale o esforço (e um ou outro custo extra). Agora que deixamos para você nossas dicas e observações, perguntamos: quais as suas sugestões? Afinal, sempre podemos fazer tudo outra vez!

Leia também


About Fabiane Bastos

Jornalista especializada em cultura, viciada em filmes, séries e livros não necessariamente nesta ordem. Adoraria poder visitar os mundos que só conhecemos pelas páginas e telas, ou chegar o mais próximo disso possível!